Set e EliRap – Instinto de Sobrevivência [Prod.NatoraRecords

Direto da Batalha do Vinho, Zona Norte, Set E EliRap lançam seu primeiro som Instinto de Sobrevivência, sem deixar claro se é apenas uma participação ou uma formação de Dupla, os dois veêm pesado nesse som, com um produção da Natora Records eles relatam a dura vida nas ruas e o que é preciso pra sobreviver a ela.

Letras:

Desde o princípio, seres humanos lutam por sobrevivência
e no dia de hoje não será diferente

Elirap

Meu instinto é de sobrevivência
mas esse sistema declarou minha sentença
Não vou parar, vamos continuar
Só peço ao Pai força pra lutar
Que eu derrote meu inimigos
até aqueles que se dizem meus amigos
E na batalha eu não vou correr
So combatente preparado pra matar ou morrer
Vencer ou perder eis a questão
Em um minuto morre mais de um milhão
Seja na guerra, fome ou escravidão
E na favela o sangue jorra pelo chão
Isso é real, isso não é ficção
Não é história de TV ruma a alienação
Falsas promessas, muita corrupção
Enquanto o dinheiro move muito essa nação
Muitos vão perder a noção
Com tanta ambição
Escolheram a face e esqueceram o coração
Malandro é Malandro mas tem que matar o leão
E no fim do jogo o mocinho e o vilão
Que tem prende em meio as regras dessa constituição
Com pouca informação, regresso é a milhão
Enquanto as cabeças ainda estão em formação
Tudo manipulação, submundo, escridão
E a luz no fim do túnel será nossa inspiração

Refrão

Nas ruas a vida é diferente
A realidade aqi transforma a sua mente
O rap é envolvente, invade o subconsciente
É cheque-mate é o sistema e contra a gente

Set

Gueirro de verdade nunca se curva na base
Na frente de batalha os peão abre passagem
Fica de fofoca não conhece a malandragem
Foda-se o sistema aqui não curtu sabotage
O compromisso de fazer de um rap uma viajem
Eu sou maluco doido, des bancando essa cidade
Inimigo Público dessa sociedade
Quem julga sem saber contemplar mesmo e a maldade
E elas se abrem que nem puta no cio
Quando ver no bolso que as notas é mais de mil
Puta que pariu!Foi a pátria mãe Brasil
Que criou o sistema mais corrupto que já viu
Mas nós somos a resistência
que puxa, prende e passa com a base violenta
E a violência não sai só na TV
Bota as cara pra fora, sai pra rua que ‘cê ver
Não é o mesmo que sonho não tem como acordar
Nesse campo noturno não tem como enxergar
Que se ofusca em meio as ruas, nesse destemido mar
Em fúrias que a terra assusta, mas não vou vagar
Quero dropar as boas na brisa que vai chegar
Refrão

Nas ruas a vida é diferente
A realidade aqi transforma a sua mente
O rap é envolvente, invade o subconsciente
É cheque-mate é o sistema e contra a gente

+SOM: https://soundcloud.com/wagner-henrique-smd

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s